Precisamos dar o mérito devido aos Deputados do PT Wadih Damous e Paulo Pimenta que tem feito um trabalho sério de investigação que faltam a uma parte do MP, a PF e ao judiciário.

Agora sabemos por que falta. Falta porque a politicagem e o conluio com a elite empresarial dona do dinheiro nesses órgãos alcançou um limite de degeneração insuportável.

O que Tacla Duran disse e provou com documentos periciados é que os representantes do MP e o juiz Moro de Curitiba tem um esquema de propinas onde as delações são vendidas por um preço infinitamente menor que o prejuízo dado pelos criminosos aos cofres públicos, desde que esse dinheiro seja dividido entre eles de forma criminosa através de pagamentos feitos em contas em paraísos fiscais.

Eles forjaram depoimentos, criaram provas fictícias, tudo na verdade por um projeto de poder. O poder de influenciar nas delações e fazer o que querem através delas. Criaram uma verdadeira indústria para linchar os inimigos políticos de seu projeto de poder e ganhar dinheiro em cima disso ainda por cima. 

Mas, ele também provou outra coisa que até então vinhamos dizendo, mas, que não podíamos provar. Que a mídia e grande parte do judiciário desse país estão de fato dominados por criminosos.

O que Duran disse na CPMI e provou não com falácia, mas, com documentos periciados em institutos internacionais sérios é de altíssima gravidade.

Deveria provocar a reação imediata de todos os entes da lei e de toda imprensa escrita e falada. 

Com esse depoimento Tacla Duran fez muito mais do que mostrar os crimes e o jogo sujo do que chamamos há algum tempo de República de Curitiba.

Seu depoimento desvendou as entranhas de grande parte do sistema judiciário brasileiro que já estava desmoralizado e que não tem mais como fugir da mais completa depravação. 

O STF que já mostrou suas entranhas no Golpe de Estado que vem acabando com os direitos conquistados nos últimos anos dos cidadãos brasileiros através do que o próprio Jucá disse e que não podemos esquecer “COM O STF COM TUDO”, tem agora o dever de mostrar para que existe.

Se nada fizer decretará a sua própria falência como instituição e nada mais será possível fazer para resgatar sua imagem. 

Não vamos deixar por menos. O nome de Tacla Duran e o que ele disse será ouvido nas Redes Sociais todos os dias até que algo seja feito para tirar esse país da decadência em que foi colocado por essa gente.